No dia 7 de setembro, é comemorado o Dia da Independência do Brasil, também conhecido como Dia da Pátria. A data lembra o início do Brasil Império, quando D. Pedro I pôs fim aos 322 anos de domínio português no país, em cena icônica à beira do rio Ipiranga.

 

O dia 7 de Setembro é feriado nacional, marcado por desfiles patrióticos na maioria das cidades brasileiras. Cada município elege um tema para nortear a parada, que conta com forte participação das forças armadas, escolas públicas e privadas e entidades civis.

 

As ruas se enchem de gente. Carros alegóricos dividem atenções com bandas marciais, cavalarias e com as fantasias dos estudantes que percorrem as avenidas. Para todos os lados, bandeiras e orgulho pátrio pintado de verde e amarelo.

 

Entre as comemorações, destaca-se a da cidade de Brasília. Na capital do país, o desfile conta com a presença do presidente da república, tropas motorizadas e da esquadrilha de fumaça. O desfile ocorre na Esplanada dos Ministérios.

 

No Rio de Janeiro, os desfiles ocorrem na terra e no mar. No centro da cidade, alegorias lotam a avenida Presidente Vargas. Na Barra da Tijuca, marinheiros e fuzileiros navais participam do desfile naval, que segue até a Baía de Guanabara.

 

Em São Paulo, o clima é quase de Carnaval. A parada paulista ocorre no Sambódromo do Anhembi, com entrada gratuita. São cerca de 8 mil desfilantes e um público estimado de 30 mil pessoas.

 

Em Salvador, a Independência começa a ser festejada em 2 de julho. Nessa data, em 1822, as tropas brasileiras invadiram a capital baiana e recuperaram a cidade, então ocupada pelo exército português. Os soteropolitanos comemoram o feito com um cortejo popular.

 

Salvador também realiza um desfile no dia 7 de setembro. Desta vez com participação militar, a parada ocorre nas ruas de Campo Grande em direção à Praça Castro Alves e reúne em torno de 35 mil pessoas todos os anos.