No dia 21 de abril, é comemorado o dia de Tiradentes no Brasil. Trata-se de uma das mais importantes datas cívicas nacionais, e é feriado em todo o país. Ainda que a data seja mais lembrada pelas escolas, vale a pena ressaltar aqui o significado desse dia para a história do Brasil.

 

Quem foi Tiradentes

Joaquim José da Silva Xavier, mais conhecido como Tiradentes por sua profissão de dentista amador, nasceu na Fazenda do Pombal, no estado de Minas Gerais, em 1746. De origem portuguesa, perdeu ambos os pais muito cedo,aos 11 anos de idade, e também as suas propriedades por conta das dívidas.

 

Foi tropeiro, minerador e membro do destacamento militar Dragões de Minas Gerais. E foi por conta desse última função que ele começou a entrar em contato com grupos contrários ao domínio português sobre o Brasil.

 

A Inconfidência Mineira

Naquela época, o Brasil ainda estava sob a tutela do rei de Portugal enquanto uma de suas mais rentáveis colônias. E isso não só por suas riquezas, mas pelos altos impostos pagos à Coroa. E como se isso não bastasse, além de retirar do cargo de governador de Minas Gerais um membro da elite local e substituí-lo por um amigo da Corte, foi instituído o sistema de derrama.

 

Com essa resolução, a cobrança de impostos passava a ser forçada, sendo permitido o uso de prisão ou de outros métodos que garantissem o recebimento do que era devido. E isso enfureceu a população local, principalmente os mais ricos, que começaram a conspirar contra a Coroa Portuguesa.

 

Tiradentes lideraria o movimento

Por conta da sua capacidade oratória e de seu espírito de liderança, Tiradentes foi escolhido para liderar o movimento. Este, a princípio, seria constituído de um protesto no dia da derrama, durante o qual os planos de libertação seriam anunciados e o governador seria preso.

 

Só que o plano acabou por cair nos ouvidos das autoridades locais, e os 34 membros do movimento foram presos sob a acusação de traição à Coroa Portuguesa. Porém, apenas Tiradentes foi condenado `a morte, possivelmente porque era o único que não era parte da elite local – os outros seguiram para o exílio ou tiveram penas leves.

 

Tiradentes tornou-se mártir da Inconfidência

Tiradentes foi, então, estrangulado em praça pública no dia 21 de abril de 1792, esquartejado, e sua cabeça foi exposta em praça pública. As outras partes do seu corpo foram espalhadas pela cidade, seu sangue foi usado para lavrar a sentença de cumprimento da pena, sua memória e descendentes foram considerados como infames, e sua casa foi arrasada e teve o terreno salgado para que nada crescesse por lá.

 

Hoje, Tiradentes é considerado como Patrono Cívico do Brasil, mártir da Inconfidência Mineira. Seu nome consta no Livro de Aço do Panteão da Pátria e da Liberdade, sendo considerado Herói Nacional.