Consórcio entrega Filarmônica do Elba em Hamburgo

No início da noite, luzes foram acesas na fachada da Filarmônica do Elba (Elbphilharmonie), em Hamburgo, mostrando a palavra fertig (pronto). Depois de nove anos e meio em construção, o consórcio responsável pela obra, Hochtief, entregou nesta segunda-feira (31/10) oficialmente o prédio à prefeitura da cidade.

"Com a Filarmônica do Elba, Hamburgo recebeu uma construção impressionante, cuja arquitetura não pode mais ser abstraída da imagem da cidade", destacou o prefeito Olaf Scholz.

A Filarmônica do Elba abriga não somente uma sala de concerto, mas também um hotel e apartamentos de luxo. A Plaza da Elbphilharmonie, um belvedere, será inaugurada e aberta ao público na sexta-feira.

O concerto de inauguração está previsto para os dias 11 e 12 de janeiro de 2017. Embora nenhuma nota tenha sido oficialmente tocada na sala de concerto, com capacidade para 2.150 pessoas, ela já é considerada uma das dez melhores do mundo.

Explosão no orçamento

Depois de um início difícil, todos os envolvidos no projeto fizeram um trabalho extraordinário, disse Scholz. O prefeito se referiu aos atrasos nas obras e a explosão do valor do projeto, inicialmente orçado em 77 milhões de euros, mas que custou, no final, 789 milhões de euros.

O ex-prefeito de Hamburgo Ole von Beust, que governou a cidade entre 2001 e 2010, aproveitou a entrega da obra para destacar que ele foi o responsável pela Filarmônica do Elba ter saído do pape. No entanto, disse que estaria mais feliz se o projeto tivesse sido mais barato e ficado pronto antes.

CN/dpa/ots

De outros Notícias