Patti Smith faz interpretação emocionada de clássico de Dylan no Nobel

A cantora Patti Smith fez uma emocionante interpretação de A hard rain's a-gonna fall, um dos clássicos da fase inicial do compositor Bob Dylan, durante a cerimônia de entrega dos Prêmios Nobel de 2016, em Estocolmo, na Suécia, neste sábado (10/12).

Inicialmente, Smith cantou acompanhada apenas de violão e uma pedal steel guitar. Perto do final da interpretação, de cerca de oito minutos, a Orquestra Filarmônica Real de Estocolmo se uniu a ela.

Com a voz trêmula, a cantora esqueceu a letra na segunda estrofe e se viu obrigada a interromper a apresentação. "Sinto muito, estou muito nervosa", disse Smith, pedindo para recomeçar e arrancando aplausos do auditório, onde estava também a família real, representada pelo rei Carlos Gustavo, a rainha Silvia, a princesa herdeira, Victoria, e o marido dela, o príncipe Daniel.

Na terceira estrofe, ela voltou a vacilar, mas conseguiu se recompor e encerrou a interpretação de forma emocionante. A hard rain's a-gonna fall é uma das canções mais emblemáticas da fase inicial de Dylan, marcada pelo folk e pelos hinos de protesto, e está no álbum The Freewheelin' Bob Dylan, de 1963.

Dylan faltou à cerimônia alegando que compromissos prévios o impediam de comparecer. O gesto teve repercussão negativa na Suécia, onde foi visto como uma esnobada na Academia Sueca, que escolhe o premiado em Literatura, e na Fundação Nobel. Dylan, de 75 anos, é o primeiro compositor a receber o prêmio de maior prestígio da literatura mundial.

Segundo a Fundação Nobel, o prêmio de Dylan será dado pessoalmente ao cantor em algum momento de 2017 na Suécia ou em outro país. Os outros vencedores de 2016 estavam presentes para receber suas premiações.

FC/dpa/afp/efe/rtr

De outros Notícias