Brexit acarreta perda milionária para Easyjet

A decisão dos britânicos de sair da União Europeia (UE) afetou as receitas da companhia aérea low cost Easyjet. A empresa fechou o ano fiscal encerrado em setembro com um lucro (antes de impostos) de 495 milhões de libras esterlinas, 28% menor que o do ano anterior.

A explicação estaria sobretudo na desvalorização da moeda britânica, e os efeitos ainda deverão ser sentidos no ano que vem, anunciou a empresa nesta terça-feira (15/11). Somente neste ano, as ações da Easyjet perderam 40% do seu valor.

Nem mesmo um recorde de 73 milhões de passageiros (um aumento de 6,6% em relação ao ano anterior) foi suficiente para evitar a diminuição dos lucros.

Só em conversões de moeda, a empresa perdeu 112 milhões de libras. Para o atual ano fiscal, a presidente da companhia aérea, Carolyn McCall, calcula perdas adicionais de 90 milhões de libras, em parte devido aos custos com combustível e aeronaves, que são pagos em dólares.

"Em tempos como este, linhas aéreas fortes saem fortalecidas, enquanto que as fracas se enfraquecem ainda mais", disse McCall.

IP/dpa/rtr

De outros Notícias